Bom dia Mercado: Deflação e receita em foco; exterior misto; Petróleo;Minério de Ferro | Dados da Bolsa

Bom dia Mercado: Deflação e receita em foco; exterior misto; Petróleo;Minério de Ferro

Por Josue Leonel

(Bloomberg) — IPC-Fipe mostra deflação inesperada e fica abaixo de todas as estimativas. IGP-M também deve mostrar deflação na véspera do IPCA-15, que pode ficar abaixo do piso em

12 meses, e a uma semana do Copom. Arrecadação pode ter crescimento pelos critérios m/m e a/a em junho. Ação do Carrefour sai a R$ 15 em IPO de R$ 5,1 bi, no piso do estimado, mas maior desde 2013. Disputa por parlamentares ameaça trégua Temer-Maia. Nos EUA, saem dados de moradias e estoques de petróleo. Dólar testa piso de Bollinger após cair abaixo de R$ 3,16.

Mercado externo tem sentimento misto. Dólar tem leve alta contra euro e maioria das divisas emergentes um dia antes do BCE. Ações europeias e commodities sobem. Yields dos treasuries têm leve alta. Às 7:31, este era o desempenho dos principais índices:

* S&P 500 Futuro estável

* FTSE 100 +0,1%

* CAC-40 +0,2%

* Nikkei 225 +0,1% (fechado)

* Shanghai SE Composite +1,4% (fechado)

* MSCI World estável

 

Internacional: Dólar tem leve alta com mercados de lado na véspera do BCE

* Dólar tem alta leve contra maioria das divisas emergentes e euro devolve parte da alta recente antes do encontro de amanhã do BCE, com investidores atentos a possível sinais sobre estímulos, ainda que mudança possa não ser iminente

* Na contramão do euro, Stoxx 600 tem leve alta após cair 1,1% na véspera

* Petróleo tem leve alta e se sustenta cima de US$ 46 pelo 5º dia seguido em meio a sinais mistos sobre estoques americanos, que teriam subido pela API e devem ter queda segundo dados governamentais que saem 11:30

* Cobre e níquel recuam em Londres, mas minério de ferro tem 3ª alta seguida em Dalian, China

* Rendimentos dos treasuries sobem e yields dos títulos europeus têm variação mista

 

Para Acompanhar: IPC-Fipe tem deflação; arrecadação; IPO do Carrefour; dólar

* IPC-Fipe tem deflação inesperada até 15/jul, de -0,15%, est.

0,02% (ant. 0,00%)

** Índice que mede a inflação na cidade de São Paulo ficou abaixo de todas as previsões; a menor apontava -0,11%

* IGP-M às 8:00 tem previsão de deflação de -0,8% na 2ª prévia, reforçando ideia de deflação em julho e repetindo cenário de junho

* IPCA-15 amanhã pode mostrar deflação de -0,11% m/m e índice a/a recuando para 2,86%, abaixo do piso da meta

* Arrecadação do mês de junho deve ter subido para R$ 102,7 bi, segundo estimativa mediana em pesquisa Bloomberg, dos R$ 97,7 bi do mês anterior e R$ 98,1 bi de junho/2016. Receita divulga o indicador às 10:30 e comenta o desempenho em coletiva de imprensa às 11:00 em Brasília

* NOTA: Uma série de indicadores demonstram a saída da recessão e o início do crescimento, disse nesta terça o ministro Meirelles em sua conta no Twitter

* BC oferta até 8.300 contratos de swap cambial para inicial rolagem dos contratos de agosto, 11:30 às 11:40, resultado às

11:50

* BC divulga fluxo cambial semanal, 12:30

* CVM confirma ação do Carrefour a R$ 15 em IPO de R$ 5,1 bi; ações começam a ser negociadas amanhã, 20/julho; é o maior IPO desde o do BB Seguridade, de R$ 11 bi, em abril/2013

* NOTA: Preço ficou no piso da faixa indicativa, que era entre R$ 15 e R$ 19

* Oferta de IPO do Atacadão foi um grande teste para os investidores brasileiros depois da crise política deflagrada em maio

** Nenhuma oferta de IPO havia sido feita desde então; já para as próximas semanas, esperam-se as seguintes: Omega, IRB e Biotoscana

* Dólar situa-se abaixo do piso inferior da banda de Bollinger e traz Índice de Força Relativa para perto de 30, indicando condições sobrevendidas que podem trazer reversão da tendência da moeda

 

Outros destaques: Venda de usinas da Eletrobras; trégua política na berlinda

* Governo federal quer arrecadar R$ 30 bi com venda de hidrelétricas da Eletrobras e pretende usar um terço do valor para compensar o aumentou no preço da energia para o consumidor em razão dessa privatização: Folha

** Equipe econômica tem pressa para reforçar o caixa da União e ajudar no cumprimento da meta de deficit de 2018. Para 2017, o governo conta com R$ 11 bi da venda de quatro usinas da Cemig que não renovaram contratos e foram retomadas pela União, diz jornal

* BNDES vai comprar Cedae por R$ 3 bi e preparar empresa para a

privatização: Globo

* Jucá: Presidente do Brasil não trata de filiações partidárias

* Temer provoca atrito com Maia ao assediar deputados do PSB:

Folha

** Segundo jornal, atrito começou quando Temer tentou convidar deputados dissidentes governistas do PSB a migrarem ao PMDB e não ao DEM, como quer Maia; em jantar com o presidente da Câmara, na noite de ontem, Temer negou os convites, diz Folha

* Governo Central passa a incorporar Fies e aumenta teto de gasto

* Joesley consegue o desbloqueio de R$ 800 mi de suas contas: O Globo

* Temer responde negativamente à maioria das perguntas da defesa de Cunha: G1

 

Governo:

* Temer reúne-se com ­Iris Rezende, prefeito de Goiânia/GO, e Íris de Araújo, primeira-dama e presidente da Fundação Ulysses Guimarães/Goiás, 11:00, senador Garibaldi Alves Filho (PMDB/RN), 11:30, José Ivo Sartori, governador do estado do RS, 14:00

* Meirelles e secretários Eduardo Guardia e Fabio Kanczuk têm a­lmoço com o presidente do Banco Central, Ilan Goldfajn

 

Conferencias:

* Fiesp realiza workshop sobre infraestrutura de energia, São Paulo, 9:00

 

Economia:

* 8:00: IGP-M julho 2ª prévia, est. -0,80% (ant. -0,61%)

* 9:30: Início moradias EUA jun, est. 1,16 mi (ant. 1,09 mi)

* 10:30: Arrecadação junho, est. R$ 102,7 bi (ant. R$ 97,7 bi)

* 11:30: Estoques petróleo EUA, 14/jul, -3,5 mi (ant. -7,56 mi)

 

Balanços:

* Weg, pré-mercado

 

Empresas: Petrobras, Vale, Cemig, Gafisa, Natura

* Petrobras negocia revisão do acordo de acionistas da Braskem

* Vale: Suspensa ação civil pública movida pelo MPF sobre Samarco

** Vale deve bater novo recorde de produção mesmo com mercado instável

* Frustrada a fusão, Kroton antecipa plano de expansão: Valor

* Cemig tenta explorar usinas em conjunto com a União: Valor

* Gafisa: Vendas contratadas -1,8% a/a para R$ 127,1 mi no 2T17

* Natura comunica compra da Body Shop ao Cade

 

Mercado de 18/07: Ativos se beneficiam de cenário externo benigno

* Bolsa: Ibovespa teve leve alta diante de trégua em noticiário político. Ganhos moderados de Petrobras, bancos e Vale contrabalançam perdas de Ultrapar e BRF. +0,2%, 65.337,67 pontos

* Juros: Taxas dos contratos futuros de juros fecham em baixa diante do enfraquecimento do dólar frente ao real, em dia de agenda fraca de indicadores e ambiente político relativamente calmo. Jan/21 -4 pontos, 9,58%

* Câmbio: Dólar cai abaixo de R$ 3,16, se aproxima de níveis anteriores à divulgação da gravação da conversa entre Joesley Batista e Michel Temer, na mesma trilha do enfraquecimento da divisa no exterior. -0,8%, R$ 3,1565

Be the first to comment on "Bom dia Mercado: Deflação e receita em foco; exterior misto; Petróleo;Minério de Ferro"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*