Ibovespa Futuros em alta com mercado de olho em alta de impostos | Dados da Bolsa

Ibovespa Futuros em alta com mercado de olho em alta de impostos

Logo da BM&FBovespa exibido em telões dentro da bolsa de São Paulo. 07/10/2013 REUTERS/Nacho Doce

Investing.com – Os investidores começam o dia de olho nas decisões do bancos centrais da Europa e do Japão, assim como focado no cenário interno com aumento de impostos para cumprir a meta fiscal, IPCA-15 e dados de corporativos, como a produção trimestral da Vale.

Ibovespa Futuros opera em alta de 0,3% aos 65.810 pontos na manhã desta quinta-feira e indica uma abertura do Ibovespa revertendo as leves perdas de ontem de 0,2% que levaram o índice a 65.179 pontos.

Com a pausa na política com o recesso do Congresso, a economia continua no centro das atenções do mercado nesta semana. De madrugada, o Banco do Japão decidiu manter inalterada sua política monetária e, às 9h30, é a vez do presidente do Banco Central Europeu comentar o resultado de sua reunião. A expectativa é que Draghi possa indicar o fim dos estímulos na Zona do Euro.

O IPCA-15 mostrou deflação de -0,18%, ligeiramente abaixo dos -0,16% do mês passado, no menor resultado em quase 20 anos. O índice ficou abaixo da mediana das projeções de 0,1%. A inflação mais fraca reforça as apostas em um corte de juros na casa do 1p.p. na reunião do Copom da próxima semana.

O mercado ainda ficará de olho no anúncio quase certo de um aumento de impostos sobre a gasolina para garantir o cumprimento da meta fiscal. A decisão deverá ser tomada hoje, mas já foi indicada por membros da equipe econômica do governo, inclusive defendida por Henrique Meirelles em entrevista ontem à GloboNews.

Commodities

O minério de ferro fechou com perdas de 1,9% nos contratos futuros negociados na bolsa de Dalian, a 517 iuanes a tonelada. Para a entrega spot em Qingdao, a queda foi maior, de 3,1%, encerrando o dia a US$ 68,05 a tonelada.

petróleo opera em ligeira alta de 0,5% e é negociado a US$ 47,60 o barril nos EUA e com ganhos de 0,8%, acima dos US$ 50 o barril, no Brent, em Londres.

Mercado corporativo

A produção de minério de ferro da Vale (SA:VALE5) entre abril e junho foi recorde para um segundo trimestre, mas ainda assim a produção em 2017 ficará próxima ao limite inferior da faixa projetada para o ano, de entre 360 milhões e 380 milhões de toneladas, disse a companhia nesta quinta-feira. No segundo trimestre, a produção cresceu 5,8% ante o mesmo período do ano passado, para 91,849 milhões de toneladas.

Hoje é o dia de estreia das ações do Carrefour (PA:CARR) na bolsa brasileira, precificada no piso de R$ 15, após o IPO

A construtora MRV (SA:MRVE3) informou nesta quarta-feira que seu conselho de administração aprovou emitir até 700 milhões de reais em debêntures, em até três séries, com esforços restritos.

O conselho de administração da Oi (SA:OIBR4) aprovou nesta quarta-feira diretrizes para um aumento de capital de 8 bilhões de reais, em uma estratégia que vinha sendo estudada pela companhia em recuperação judicial desde junho.

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) abriu um inquérito administrativo para investigar a atuação da Eldorado Brasil Celulose e da Seara Alimentos, ambas do grupo J&F, por negociações com contratos de derivativos cambiais, em maio.

A Cyrela (SA:CCPR3) teve alta de 7% nos lançamentos de imóveis no segundo trimestre sobre um ano antes, para 640 milhões de reais, informou a incorporadora nesta quarta-feira. Já as vendas líquidas contratadas da companhia entre abril e junho somaram 756 milhões de reais, um salto de 35,4% sobre um ano antes.

Be the first to comment on "Ibovespa Futuros em alta com mercado de olho em alta de impostos"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*