Wall Street: Bolsas dos EUA apontam para pausa em altas recordes; resultados em foco | Dados da Bolsa

Wall Street: Bolsas dos EUA apontam para pausa em altas recordes; resultados em foco

Wall Street a débuté sur une note baissière mercredi, tout au moins pour le Dow Jones, après une nouvelle série de résultats mitigés, dans un climat d'inquiétude face aux violences en Ukraine et dans la bande de Gaza. L'indice Dow Jones perd 0,19%, le Standard & Poor's 500, plus large, gagne 0,06% et le Nasdaq Composite 0,2%.,/Photo d'archives/REUTERS/Lucas Jackson

Investing.com – O mercado futuro de Wall Street apontava para uma abertura entre estável e em baixa pois as bolsas dos EUA pareciam realizar outra pausa nas máximas recordes nesta sexta-feira com a Nasdaq preparada para quebrar a sequência de 10 dias de ganhos, sua melhor sequência desde fevereiro de 2015, enquanto investidores se preparavam para precificar grandes movimentos em termos de resultados e se preparavam para a enxurrada de resultados na semana que vem.

O blue chip futuros do Dow perdia 29 pontos, ou cerca de 0,13%, às 6h58 em horário local (7h58 em horário de Brasília), os futuros do S&P 500 caíam 1 ponto, ou 0,05%, enquanto o índice futuro de tecnologia Nasdaq 100 perdia 8 pontos, ou 0,13%.

Sem grandes relatórios econômicos com divulgação marcada nesta sexta-feira, participantes do mercado estavam concentrados no fluxo contínuo de resultados trimestrais, especialmente os resultados de três constituintes do Dow.

A Visa Inc (NYSE:V) parecia preparada para conduzir o índice blue chip para cima, já que suas ações registravam ganhos de quase 2% antes do pregão nesta sexta-feira após a empresa de cartões de crédito aumentar suas projeções de ganhos após superar estimativas de lucros.

Os ganhos da General Electric (NYSE:GE) estavam logo atrás da Visa nas negociações antes do pregão, já que o conglomerado industrial global superou expectativas tanto em vendas quanto em lucros apesar de uma redução de 12% nas receitas.

Embora a Microsoft (NASDAQ:MSFT) tenha inicialmente presenciado aumento, já que a gigante do setor de informática divulgou lucro trimestral melhor do que o esperado no final da quinta-feira graças à sua atividade de computação em nuvem, que cresce muito rápido, as ações reduziram os lucros e estavam em alta de apenas 0,08%.

Fora do Dow e no lado negativo, o eBay (NASDAQ:EBAY) tinha perdas de 4% nas negociações antes do pregão desta sexta-feira pois seus números estiveram amplamente alinhados às expectativas e sua orientação não conseguiu impressionar.

Honeywell, Moody’s (NYSE:MCO), Huntington Bancshares (NASDAQ:HBAN) e Fifth Third Bancorp (NASDAQ:FITB) são algumas das empresas que devem divulgar relatórios antes da abertura.

Além destes resultados, a semana que vem será a mais agitada na temporada de resultados do segundo trimestre.

Fora das notícias de empresas, investidores estarão muito atentos aos desdobramentos políticos em Washington após notícias de que Robert Mueller, procurador especial, estaria planejando expandir as investigações sobre as alegações de que a Rússia estaria envolvida com a eleição presidencial dos EUA de 2016.

Várias agências de notícias sugeriram que Mueller poderia se aprofundar nas atividades privadas de Donald Trump, presidente norte-americano, mas o líder dos EUA expressou sua opinião de que investigar suas finanças pessoais seria algo que passaria dos limites.

As recentes informações mantinham pressão contínua sobre o dólar, já que agentes do mercado se preocupavam sobre como as investigações poderiam afetar a implementação das políticas econômicas e fiscais de Trump.

índice dólar, que mede a força da moeda frente a uma cesta ponderada de seis principais divisas, recuava 0,13% para 93,96 às 09h00 (horário de Brasília).

Com relação ao dólar mais fraco, o euro continuava a ganhar terreno frente à moeda norte-americana, atingindo seu nível mais alto em quase dois anos após Mario Draghi, presidente do Banco Central Europeu (BCE), indicar na quinta-feira que a autoridade monetária da zona do euro poderia começar a discutir a redução do estímulo monetário no outono.

O par EUR/USD atingiu 1,1677 na sexta-feira, seu nível mais alto desde agosto de 2015, com mercados entendo os comentários de Draghi como indicadores de que o BCE estaria lentamente na direção de tomar uma posição menos pacífica e considerando remover a política acomodatícia.

Decisores do BCE agora tem em outubro a data mais provável para decidir o futuro da compra de ativos do banco central e consideram dezembro, uma opção sinalizada pela equipe, como muito tarde, conforme quatro fontes com conhecimento direto da discussão afirmaram à Reuters.

Be the first to comment on "Wall Street: Bolsas dos EUA apontam para pausa em altas recordes; resultados em foco"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*