Bolsa paulista sobe com melhora em apetite a risco após notícias dos EUA | Dados da Bolsa

Bolsa paulista sobe com melhora em apetite a risco após notícias dos EUA

NEW YORK - FEBRUARY 20: Traders work on the floor of the New York Stock Exchange during afternoon trading February 20, 2009 in New York City. The Dow closed down 100 points to 7365.67 in a week that saw the Dow lose 6.1 percent. (Photo by Mario Tama/Getty Images)

SÃO PAULO (Reuters) – O principal índice da bolsa paulista subia nesta sexta-feira, em sessão mais positiva para ativos de risco no exterior, após aprovação de esboço de orçamento fiscal dos Estados Unidos e com notícias de que o diretor do Federal Reserve Jerome Powell seria o favorito para assumir o comando do banco central norte-americano.

Às 12:20, o Ibovespa subia 0,68 por cento, a 76.800 pontos. O giro financeiro era de 2,4 bilhões de reais.

Na véspera, o Senado dos EUA aprovou um esboço de orçamento para o ano fiscal de 2018 que abrirá caminho para que os republicanos busquem um pacote de cortes de impostos sem o apoio dos democratas.

A medida, embora inicialmente ajude a aumentar o apetite a risco, pode acelerar a inflação norte-americana e, consequentemente, abrir espaço para mais altas de juros nos EUA.

“A liquidez mundial, fartamente ajudando emergentes em função de juros baixos, pode começar a ser questionada, tirando fluxo para emergentes”, escreveram analistas da corretora Lerosa Investimentos.

Ainda nos EUA, o site Politico noticiou na véspera que Powell é o candidato favorito ao cargo de chair Fed, após o presidente norte-americano, Donald Trump, ter concluído uma série de reuniões com os cinco finalistas. A eventual escolha de Powell é positiva do ponto de vista dos mercados emergentes, por indicar a perspectiva de uma continuidade na política de elevação gradual dos juros nos EUA.

Localmente, os investidores seguem de olho na política, à espera da votação em plenário da segunda denúncia contra o presidente Michel Temer, prevista para a próxima semana, para que as discussões sobre as reformas sejam retomadas.

DESTAQUES

– VALE ON (SA:VALE3) avançava 1,85 por cento, em dia de alta para os contratos futuros do minério de ferro na China, que fecharam com ganhos de 5,4 por cento na Bolsa de Dalian nesta sexta-feira.

– USIMINAS PNA (SA:USIM5) subia 1,09 por cento, CSN ON (SA:CSNA3) tinha alta de 2,54 por cento e GERDAU PN (SA:GOAU4) ganhava 1,02 por cento, também acompanhando o movimento dos ganhos dos contratos futuros do minério de ferro e do aço na China. No caso da Usiminas, o tom positivo tinha respaldo ainda da elevação na véspera do rating pela agência Fitch, de CCC para B, com perspectiva estável.

– RUMO ON (SA:RAIL3) tinha alta de 0,92 por cento, após a empresa divulgar suas projeções, estimando Ebitda entre 4,4 bilhões de reais e 4,6 bilhões de reais em 2020, ante variação de 2,6 bilhões a 2,8 bilhões de reais este ano. Já os investimentos devem ser reduzidos para 1 bilhão a 1,3 bilhão de reais, ante volume de 2 bilhões a 2,2 bilhões de reais este ano.

– WEG ON (SA:WEGE3) avançava 2,58 por cento, entre as maiores altas do Ibovespa, tendo no radar a parceria com a MAN Latin America para o desenvolvimento do primeiro caminhão leve 100 por cento elétrico desenvolvido no Brasil.

– PETROBRAS PN (SA:PETR4) subia 1,18 por cento e PETROBRAS ON (SA:PETR3) ganhava 1,03 por cento, na contramão dos preços do petróleo no mercado internacional.

(Por Flavia Bohone)

fonte:https://br.investing.com/news/mercado-de-a%C3%A7%C3%B5es-e-financeiro/bolsa-paulista-sobe-com-melhora-em-apetite-a-risco-apos-noticias-dos-eua-518305

Be the first to comment on "Bolsa paulista sobe com melhora em apetite a risco após notícias dos EUA"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*