Alta Será?: Juro a 7% não é o número mágico para a Bolsa, avalia Fundo Verde de Stuhlberger | Dados da Bolsa

Alta Será?: Juro a 7% não é o número mágico para a Bolsa, avalia Fundo Verde de Stuhlberger

Money Times – O cenário vivido pelo mercado brasileiro entre os meses de julho, agosto e setembro, culminando num pico recente no começo de outubro, mostrava que a alta da bolsa vinha bastante dissonante do comportamento recente dos mercados de juros, avalia o Fundo Verde, do aclamado gestor Luis Stuhlberger.

“É verdade que muitas vezes a bolsa está em Marte e a renda fixa está em Vênus…, mas essas distorções tendem a não durar”, revela a carta do fundo sobre outubro, quando a gestora anotou desvalorização de 0,38% em seu produto Verde FIC FIM. O benchmark acompanhado é o CDI, que variou 0,65%.

“Em nossa visão, a principal tese por trás de parte da alta recente do mercado acionário é: se o juro é 7% (ou abaixo) então o investidor brasileiro vai despejar um caminhão de dinheiro na bolsa. E, portanto, apesar de já um pouco caro, o mercado poderia subir muito ainda”, ressalta o Verde.

7% mágicos

Essa tese, contudo, tem pontos fracos. O principal, pontua o relatório, diz respeito ao juro, já que temos um mercado cuja função exata é arbitrar o valor futuro desta variável. E a ideia de que o piso de 7% ficaria estável por um tempo não tem encontrado fundamento no mercado de juros.

“Por exemplo, a taxa de juro futura entre os anos 2019 e 2020 (os dois primeiros anos do próximo mandato presidencial) atingiu o nível mais baixo em meados de setembro, quando bateu 9,62%. De lá para cá, essa taxa subiu aproximadamente 0,90% (ou 90bps) para 10,51%”, destaca.

O Verde finaliza dizendo que a ideia não é fazer um tratado sobre a precificação do juro futuro nem discorrer sobre se 10,50% por si só é alto ou baixo, “mas sim, apontar que o juro que deveria importar para o preço das ações não é, e talvez nunca seja, os tais 7% mágicos”.

Por Money Times

Fonte:https://br.investing.com/news/mercado-de-a%C3%A7%C3%B5es-e-financeiro/juro-a-7-nao-e-o-numero-magico-para-a-bolsa-avalia-fundo-verde-de-stuhlberger-535608

Be the first to comment on "Alta Será?: Juro a 7% não é o número mágico para a Bolsa, avalia Fundo Verde de Stuhlberger"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*