Planejamento Semanal de Trade: Calendário Econômico - 5 principais eventos desta semana | Dados da Bolsa

Planejamento Semanal de Trade: Calendário Econômico – 5 principais eventos desta semana

Investing.com – A leitura final do PIB do terceiro trimestre dos EUA será o principal foco para os mercados financeiros globais nesta semana, já que os investidores começam a reduzir as atividades de negociação antes dos feriados do Natal e do Ano-Novo.

Por outro lado, investidores também estarão muito atentos à decisão de política monetária no Japão em meio a especulações de que o Banco do Japão ficaria muito atrás de grandes bancos centrais de todo o mundo em termos de redução de seu programa de estímulo.

Além disso, no Reino Unido, investidores aguardam uma segunda leitura dos dados sobre o crescimento britânico na busca de mais indicações a respeito do efeito contínuo que a decisão do Brexit está tendo na economia.

Investidores também estarão atentos a dados sobre a confiança alemã para avaliar os ânimos na maior economia da zona do euro.

Ainda, agentes do mercado analisarão dados sobre o PIB do Canadá para avaliar a saúde da economia.

Antes da semana que está por vir, a Investing.com compilou uma lista com os cinco maiores eventos do calendário econômico com grandes chances de afetar os mercados.

1. PIB do 3º trimestre dos EUA – Estimativa Final

Os EUA deverão divulgar os números finais do crescimento econômico do terceiro trimestre às 11h30 da próxima quinta-feira.

Os dados deverão confirmar que a economia cresceu 3,3% no período de três meses encerrado em 30 de setembro, sem alterações a partir da estimativa preliminar. O PIB cresceu 3,1% no segundo trimestre.

Relatórios sobre renda pessoal e gastos pessoais, que incluem os dados da inflação das despesas de consumo pessoal, a métrica preferida do Fed para a inflação, também estarão na agenda.

O calendário desta semana também terá dados norte-americanos sobre pedidos de bens duráveisalvarás de construçãovendas de imóveis e também um estudo sobre as condições manufatureiras na região de Filadélfia.

O Fed elevou as taxas de juros conforme esperado na semana passada e deixou a perspectiva de mais três aumentos de juros em 2018 e 2019 inalterada devido à perspectiva de inflação lenta.

Enquanto isso, a legislação da reforma tributária permanecerá na agenda, já que os legisladores trabalham para aprovar um projeto para reformular o código tributário antes do prazo autoimposto de 22 de dezembro. A Câmara votará o projeto na terça-feira.

2. Anúncio de política monetária do Banco do Japão

O Banco do Japão não deve fazer quaisquer alterações em sua política monetária na conclusão de sua revisão da taxa de juros na próxima quinta-feira, já que as exportações robustas e os fortes dados sobre o consumo doméstico elevam as perspectivas de uma expansão econômica moderada.

Ainda assim, o Banco do Japão está preparado para manter suas projeções atuais de inflação, atribuindo a estagnação dos preços ao consumidor a fatores como esforços corporativos para aumentar a produtividade.

Haruhiko Kuroda, dirigente do Banco do Japão, participará de uma entrevista coletiva na sequência para discutir a decisão. Provavelmente, ele lembrará aos mercados a posição do Banco do Japão de manter sua política ultrafrouxa até que a inflação acima de 2% seja sustentável.

Analistas de mercado esperam que o Banco do Japão mantenha as taxas de juros de curto prazo e as taxas-alvo dos rendimentos dos títulos com vencimento em 10 anos inalteradas pelo menos até o segundo semestre de 2019. A maioria dos economistas acredita que banco central japonês começará a reduzir seu estímulo no final de 2018 ou depois disso.

3. PIB final do 3º tri do Reino Unido

O Escritório de Estatísticas Nacionais do Reino Unido irá divulgar a terceira estimativa do crescimento econômico do Reino Unido no terceiro trimestre às 07h30 da próxima sexta-feira.

O relatório deverá confirmar que a economia cresceu 0,4% no período entre julho e setembro, sem alterações a partir da leitura preliminar. Em comparação ao ano anterior, a projeção de crescimento da economia é de 1,5%, também sem alteração a partir da estimativa inicial.

Na semana passada, o Banco da Inglaterra decidiu por unanimidade manter as taxas de juros em 0,5% conforme esperado, já que os decisores da instituição enfrentam incertezas com o Brexit, baixo crescimento dos salários e produtividade baixa e tudo isso pesa sobre a economia.

A política provavelmente ficará na mente dos investidores, já que eles continuam atentos a quaisquer notícias a respeito das negociações do Brexit após Theresa May, primeira-ministra britânica, obter um acordo junto à União Europeia para avançar nas discussões dos termos do divórcio para definir um plano para as futuras relações comerciais.

4. Percepção empresarial do IFO da Alemanha

O instituto alemão de pesquisa Ifo deverá divulgar seu relatório sobre a percepção empresarial na Alemanha às 07h00 da próxima terça-feira, com agentes do mercado esperando que o índice suba para 117,6 neste mês, que deverá ser a máxima histórica.

O índice mensal é baseado em um estudo de cerca de 7.000 empresas alemãs nos setores industrial, de construção, de atacado e de varejo.

Além disso, a zona do euro irá divulgar os números finais da inflação em novembro na próxima segunda-feira. O relatório deverá confirmar que os preços ao consumidor subiram 1,5%, permanecendo abaixo da meta do Banco Central Europeu de 2%.

O BCE manteve suas taxas de juros inalteradas na semana passada e manteve sua promessa de fornecer estímulo o tempo que for necessário, prevendo que a inflação permaneceria abaixo da meta até 2020.

5. Números do crescimento canadense

O Canadá deverá divulgar seus números mensais de crescimento econômico às 11h30 da próxima sexta-feira. Os dados deverão mostrar que a economia cresceu 0,2% em outubro após ter crescido 0,2% no mês anterior.

Além do relatório do PIB, importantes dados sobre inflação e vendas no varejo também deverão chamar a atenção.

O Banco do Canadá manteve as taxas de juros inalteradas no início desse mês e reduziu as expectativas de um aumento no início do ano que vem, já que os decisores da instituição aguardam que incertezas, como a renegociação do NAFTA, sejam resolvidas antes de elevarem novamente as taxas de juros.

Fonte:https://br.investing.com/news/economy-news/calendario-economico–5-principais-eventos-desta-semana-555936

Be the first to comment on "Planejamento Semanal de Trade: Calendário Econômico – 5 principais eventos desta semana"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*