Fibria desaba 10,15% e Suzano dispara 20% na B3 após divulgação da fusão | Dados da Bolsa

Fibria desaba 10,15% e Suzano dispara 20% na B3 após divulgação da fusão

Investing.com – As ações da Fibria e da Suzano Papel e Celulose (SA:SUZB3) reagem de formas bastante distintas após as empresas comunicarem a fusão na noite de ontem. De um lado, liderando as perdas do Ibovespa nesta sexta-feira, a Fibria (SA:FIBR3) recua 10,15% a R$ 64,30, enquanto Suzano dispara 20,56% a R$ 28,21, comando os ganhos do índice.

Fusão

Os acionistas controladores da empresa brasileira de celulose Fibria Celulose concordaram em fundir a empresa com a rival Suzano Papel e Celulose para criar a maior produtora mundial de celulose de mercado, de acordo com um comunicado.

Os acionistas Votorantim Participações e BNDESPar, braço de investimentos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), decidiram a favor da proposta da Suzano, mesmo depois de a rival holandesa Paper Excellence ter elevado sua proposta pela Fibria na quarta-feira.

O BNDESPar receberá R$ 8,5 bilhões de reais, bem como ações na nova empresa, que continuará listada em bolsa segundo o comunicado. A transação está sujeita à aprovação das autoridades antitruste.

O BNDESPar seguirá com participação relevante empresa resultante da fusão, mas será minoritário, de acordo com o comunicado.

Avaliação do mercado

A Coinvalores avalia que a fusão entre as companhias abre a oportunidade para “long & short” com os ativos. Os analistas da corretora preveem que as ações da Fibria devem passar por um ajuste depois do fechamento forte de ontem, com os ativos da Suzano com grande potencial de valorização. Esse cenário deve ser mantido até que os valores fiquem parelhos e justifiquem a relação de troca.

Para o banco de investimentos Credit Suisse, as ações da nova companhia que será criada da união de Fibria e Suzano possuem um potencial elevado de valorização. A análise considera os dados disponíveis até agora e avalia alta de 7% no valor das ações. O banco estima sinergias de R$ 12 bilhões e preço-alvo de Fibria em R$ 60,00 e de R$ 22,00 para Suzano. Com isso, o valor de mercado seria de R$ 69,7 bilhões, montante 7% superior ao valor de mercado combinando das duas companhias.

Já para o Bradesco (SA:BBDC4), a fusão pode gerar sinergias que superem os R$ 10 bilhões.

Com Reuters.

Fonte:https://br.investing.com/news/mercado-de-a%C3%A7%C3%B5es-e-financeiro/fibria-desaba-0-e-suzano-dispara-20-na-b3-apos-divulgacao-da-fusao-571169

Be the first to comment on "Fibria desaba 10,15% e Suzano dispara 20% na B3 após divulgação da fusão"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*